sexta-feira, 3 de outubro de 2014

O que você tem feito com o que Deus te mandou fazer?



Lançai, pois, o servo inútil nas trevas exteriores; ali haverá pranto e ranger de dentes. Mateus 25:30

 
Somente alguém cheio do Espírito Santo poderá vencer a sua própria alma e ir em direção aos perdidos. Uma grande realidade de vivermos com Deus é que Ele quer fazer uma obra em nós! Mais do que realizar algo através de mim e de você, Deus deseja fazer algo em mim e em você! Temos então o chamado de Deus para sermos e somente então fazermos! 

Quando o que dizemos não é respaldado pelo que vivemos, então surge o escândalo! Por isso, no capítulo 25 do livro de Mateus, Jesus começa narrando a parábola das 10 virgens! Não basta ser virgem e ser noiva, não basta ser igreja, esperar pela volta de Jesus e estar em trevas. Não basta frequentar os mesmos lugares e não termos a mesma essência! Precisamos ser cheios de Deus! Precisamos buscar a unção do Espírito Santo, pois quando o azeite vem, as trevas que haviam em nós são dispersas!

A obra que Deus quer fazer em nós, inclui a obra que Ele deseja fazer através de nós! Aquilo que Deus quer fazer através de nós somente será firme quando houver essência de Deus em nós! Quando isso acontece Ele começa a desatar o nosso chamado e nos dá responsabilidades!

Essa palavra, dita por Jesus, no versículo 30, parece muito dura quando ouvida fora do contexto. Deus tem nos chamado para andar com Ele. Ele deseja usar nossas vidas e revelar seu amor através de nós! Nessa parábola, em Mateus 25:14 até 30, vemos que o senhor desses servos deixa algo para eles cuidarem enquanto ele precisava se retirar por um período! Eram três servos, cada recebeu uma quantidade de talentos, que era uma quantia em dinheiro e a bíblia diz que esse senhor deu a cada um deles segundo a sua capacidade.
Deus também é assim conosco, quando Ele nos designa para fazer algo é por que Ele acredita que teremos capacidade para cuidar do que Ele está nos designando para fazer!

Note que o servo, que recebeu menores responsabilidades foi o mais negligente dos três. Ele teria menos trabalho que os outros para cumprir a sua função, pois tinha uma menor responsabilidade, porém foi negligente. 

Deus te confiou um chamado! Ele te chamou para fazer algo! Fica bem claro que, quando aquele senhor voltou, nenhuma desculpa esfarrapada, apresentada por aquele servo poderia ser aceita. Ele tinha dado tarefas mais difíceis para os outros dois servos, que mesmo com responsabilidades maiores, foram fiéis e cumpriram aquilo para o que o seu Senhor os designou!

No Reino de Deus, servimos à Deus servindo as pessoas! “Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim.” Mateus 25:45.
Nossa missão é atender as necessidades do próximo! Como essa Palavra me confronta, pois Jesus diz que haverá uma separação entre virgens prudentes e néscias (loucas), servos fiéis e servos negligentes, ovelhas e bodes. Precisamos ter o óleo que faltou às néscias, a fidelidade que faltou ao servo negligente e atender ao chamado de Jesus, fazendo pelas pessoas, como se estivéssemos fazendo pelo Senhor, pois assim Ele considera! 

Como mostrar nosso amor ao Senhor? Servindo e

amando as pessoas. Amando os pequeninos, abandonados, desistidos, aprisionados, famintos. Atendendo a necessidade do órfão e da viúva, deixando nosso comodismo e preguiça, grandes reveladores de nosso egoísmo. 
Aquele servo negligenciou a sua responsabilidade pelo medo. Ele tinha medo da severidade do seu Senhor! A maneira como você vê à Deus pode trazer medo sobre você. Talvez você tenha sido apresentado à um Deus severo, que somente espera o seu erro para te condenar. Mas Deus te deu talentos, Ele acredita em você. Desde o seu nascimento Ele te escolheu! Não enterre o que Deus lhe deu por medo, por insegurança, por receio de errar. 

A história não conta todo o processo pelo qual os servos fiéis passaram para chegar ao resultado final. Porque as pessoas se importam com o resultado. Mas Deus te conduz no processo, mesmo que você falhe algumas vezes, Ele não desiste se você não desistir, apenas não enterre o que Ele mesmo te deu!

A pipoca que agente come é aquela que estoura!!! Apesar de que alguns insistem em comer aquelas que não estouraram. Ou seja, o que der errado nem mesmo será lembrado! Deus te olha no final do processo! Porque é para lá que Ele deseja lhe conduzir!

É maravilhoso estar na presença do Senhor e receber de sua unção, presença e intimidade, mas se isso não atinge as pessoas ao meu redor, de que valerá? A unção de Deus na vida de um homem ou de uma mulher tem um propósito, capacitá-los para o cumprimento do chamado! 

Deus não te ungiu com o Espírito Santo para que você tenha status, reconhecimento e admiração na sua comunidade de fé! Deus te ungiu para servir! 
O texto liga a nossa obediência ao que o Senhor nos designou para fazer com a nossa própria salvação. É óbvio que aquele que desobedecer ao Senhor se endurecerá e com o passar do tempo virá a se esfriar! A aliança com o Senhor deve ser completa! Porém, enquanto há vida há esperança! Deus é misericordioso e nos alerta que esse nível de desobediência nos separará dEle!

O que você tem feito com o que o Senhor te chamou para fazer? Reflita, pois Jesus em breve virá e tomará contas conosco! Tenha misericórdia de nós Senhor, muda nosso coração egoísta e faze-nos ver os perdidos! Que o nosso amor ao Senhor seja revelado pelo nosso amor às pessoas!