domingo, 24 de julho de 2011

Brócolis, proteção contra o câncer

O brócolis é um membro da família das Brassicas (Cruciferae), e está intimamente relacionado com couve-flor. Seu cultivo teve origem na Itália. Broccolo, seu nome italiano, significa "broto de repolho". Por causa de seus diferentes componentes, brócolis fornece uma variedade de sabores e texturas, do macio e florido (florete) para o fibros e crocante (tronco e caule). O cheiro dos compostos de enxofre são liberados ao ser cozido.


Como outros vegetais crucíferos, brócolis contém o fitonutriente sulforafano e o indól, que têm efeitos significativos anti-câncer. Pesquisas sobre indol-3-carbinol mostra que este composto ajuda a desativar um metabólito potente, o estrogênio que promove o crescimento do tumor, especialmente em células mamárias. Aumenta o nível de 2-hidroxiestrone, uma forma de estrógeno, que pode ser efeito protetor contra o câncer. Indol-3-carbinol reprimiu, não só o crescimento das células tumorais, mas também a metástase de células cancerígenas (o movimento de células cancerosas para outras partes do corpo).

Os cientistas descobriram que o sulforafano estimula as enzimas de desintoxicação do corpo, potencialmente alterando a expressão gênica, contribuindo assim para limpar as substâncias potencialmente cancerígenas mais rapidamente. Quando os pesquisadores da Universidade Johns Hopkins estudou o efeito do sulforafano em formação de tumores em animais de laboratório, os animais que receberam sulforafano tiveram tumores menores, e os que não desenvolveram tumores cresceram mais lentamente e menos pesado, o que significa que eles eram menores.