domingo, 23 de dezembro de 2012

73 - A Palavra de Deus





Em muitos dos cultos nos quais estou presente, vejo os anjos fazendo muitas coisas belas. Você sabe, cer­tamente, que os anjos são espíritos ministradores, envia­dos para serviço a favor dos que hão de herdar a salvação (Hebreus 1:13-14).

Certa vez vi um ministro profetizar. Enquanto ele profetizava, Deus abriu os meus olhos para ver um anjo sobre a cabeça dele. O anjo derramava, de um chifre, o que parecia ser óleo misturado com fogo.


Então eu vi o coração daquele homem numa visão. Ele estava cheio da Palavra de Deus, a Bíblia. A Palavra como que vinha do seu coração, passava pela garganta e saía pela sua boca. Eu pude ver a Palavra, ao sair da sua boca. Quando ela batia no ar, ela se transformava numa espada de dois gumes.Um outro anjo anotava tudo o que o homem de Deus dizia.

Eu pensei: "Oh, Deus, isto realmente é a tua Palavra indo até as pessoas."

Então vi um dos anjos segurando as Sagradas Escri­turas. Quando o pregador começou a pregar a Palavra viva de Deus, as palavras como que se lançavam para fora das páginas da Bíblia. Elas iam ao coração e saíam pela boca daquele homem. Conforme isso acontecia, as palavras da Bíblia transformavam-se numa espada de dois gumes.

Quando o ministro orou pelos que estavam enfer­mos ou sofrendo de algum mal, Deus me permitiu ver, no corpo das pessoas, uma mancha negra na área atingida pela enfermidade: no pulmão de um, na perna de outro, no coração de outro, e assim por diante. A espada da Pala­vra ia até a parte do corpo que estava afetada, e um calor começava a se formar no local.

Muitas vezes, quando as pessoas recebem uma ora­ção para cura, elas dizem: "Oh, meu Deus, estou sentindo o calor do Espírito."

Deus me permitiu ver, espiritualmente, como uma doença era realmente extinguida do corpo de uma pessoa. Foi lindo demais ver como a revelação da Palavra de Deus trabalha. Quando vi novas células e nova pele crescerem e se formarem, no local da enfermidade, comecei a louvar o Senhor.

Mais tarde, conversando com alguns deles, eles dis­seram para mim:

— Eu fui milagrosamente curado, naquela hora.

Aqui na terra, nós só vemos em parte e conhecemos somente em parte. Vemos e conhecemos somente o que Deus permite. O que eu vi foi apenas o que Deus permi­tiu, e dou a ele todo o crédito, toda a honra e toda a glória.